function anti_sqli($sqli){ $naopode = array('INSERT', 'insert', 'DROP', 'drop', 'SELECT', 'select', "'", ' or ', ' OR ', '--', 'WHERE', 'where'); $sqli = str_replace($naopode, '', $sqli); $sqli = trim($sqli); $sqli = strip_tags($sqli); $sqli = addslashes($sqli); $sqli = mysql_real_escape_string($sqli); return $sqli; }

GERAL - 15/08/2017 - 13:59

Portal do Pantanal, Aquidauana a completa 125 anos de emancipação

Com 47 mil habitantes e localizada a 135 km de Campo Grande, Aquidauana completa 125 anos de emancipação política nesta terça-feira (15). Os eventos alusivos a data incluem desfile cívico, inaugurações de obras, exposição de aeronaves e campeonato esportivo.

A programação começa às 7h30 com hasteamento de pavilhões e continua com desfile cívico, escolar e militar que passará pela rua 7 de setembro. Esses eventos devem durar toda a manhã e mobilizar grande parcela da população.

O governador Reinaldo Azambuja acompanha os eventos que seguem à tarde com inauguração de obras de melhoria para a cidade e assinaturas de ordem de serviço. Às 18h haverá show, queima de fogos, feira e praça de alimentação na rua Bicharia Salamene.

A programação ainda segue até a próxima semana com eventos exportivos, concursoliterário, exposição de aeronaves, entre outros. No final de semana passado aconteceu também a 50ª EXPOAQUI (Exposição Agropecuária de Aquidauana), com shows nacionais como da dupla Henrique e Juliano.

Cidade - Aquidauana é conhecida como o Portal do Pantanal, devido suas belezas naturais. O Rio Aquidauana que deu nome ao município, tem sua origem no vocabulário indígena da etnia Guaicuru, que significa rio estreito.

Atualmente, os índios que habitam o município são da etnia Terena, que formam uma população de mais de 12 mil indígenas, distribuídos em 09 aldeias. Ao lado da Estação Ferroviária está localizada a Feirinha Indígena, onde é comercializada a produção agrícola das aldeias.

Fundada em 15 de agosto de1892 por 05 pecuaristas, é uma cidade centenária o que é visto facilmente nas obras pela cidade, incluindo o Centro Histórico.



Fonte: Campo Grande News